SEGURANÇA DE DADOS x PUBLICIDADE | Clique Comida

SEGURANÇA DE DADOS x PUBLICIDADE

Descomplicando a internet e a necessidade de Proteção dos Dados, uma nova revolução está pra começar.


Salve pessoal, Clique Comida vai além do App de MarketPlace e traz à tona assuntos relevantes sobre empreendedorismo, vida digital e atualidades. Eu sou o Medina, e tentarei trazer minha óptica sobre assuntos relevantes para quem depende da econimia digital e todo o universo macro que o permeia. E como não poderia deixar de lado, começo com um assunto tão polêmico quanto necessário: a LGPD. Bora tirar umas então?

Uma explicação rápida para quem é leigo e [sem saber] está no meio do tiroteio. Quando você navega na internet, abre o seu navegador favorito e acessa qualquer página, ou faz aquela busca rápida no Google de qualque coisa que tenha alguma dúvida, traduzindo, qualquer ação/movimento que você faça online, seu dispositivo [celular/tablet/computador/videogame] deixa um rastro do seu IP [o RG digital] por todas as páginas que carrega. Igual João e Maria que nos Contos de Fadas deixavam uma trilha de farelos para encontrar o caminho de volta, pois é, aqui no Digital o Google [e outras redes sociais] são os pombos te seguindo e aproveitando seu rastro. Pra quê? Para matar a fome ué! Fome de lucrar com propaganda. Por isso você pesquisa aquele tênis de marca na Segunda-feira e a semana toda fica aparecendo o mesmo tênis em quase todas as páginas que você abriu depois daquilo.

Coincidência? Destino? Não mesmo.

Obra do cão? Quase isso.

Invasão de privacidade? BINGO!!


*SORRIA, VOCÊ ESTÁ SENDO VIGIADO.*
Segurança de Dados x Publicidade não faz de ambos inimigos, é preciso conviver.


Pô Medina e ninguém faz nada contra isso? Bom, não é tão fácil assim. Se é possível navegar na internet e acessar gratuitamente infinitas páginas e conteúdos, saiba que boa parte desses custos de produção, manutenção e empregos que são gerados são pagos graças às publicidades. Alguém tem que bancar o conforto e a liberdade do usuário. Isso sem contar como a economia vem migrando cada vez mais para o espaço virtual e a concorrência tem sido cada vez mais intensa no meio, ou seja, propaganda é a al[r]ma do negócio. É fundamental que exista e o formato de seleção do público so torna mais fidedigno seus resultados.

Quer ter seu próprio negócio, investir pouco e ter retorno rápido? Conheça a franquia Clique Comida!

E onde começou a briga, afinal?? Resumindo à grosso modo novamente, podemos afirmar que a gestão dos dados compartilhados sempre foram uma preocupação do público especializado e dos governos em todo o mundo, porém um pouco latente. Desde o vazamento abrupto de informações confidenciais do WikiLeaks, até os escândalo da comercialização de dados por parceiros do facebook nas eleições dos últimos 6 anos em todo o mundo, ficou evidente [até para leigos] que os dados pessoais de navegação de qualquer usuário da internet é um produto cobiçadíssimo para muita gente e fruto de uma escavação invasiva e enganosa que deixa o usuário extremamente vulnerável. Falando assim parece terrível, mas lembre-se toda vez que você se cadastra em uma mídia social ou em seu e-commerce de preferência você autoriza o compartilhamento dos dados.

Eis que houve um acordo das lideranças mundiais em forçarem a proteção de tais dados. No Brasil, está em vigor desde Agosto de 2020 a Lei Geral de Proteção de Dados, traz mudanças significativas nos ambientes empresariais e força maior transparência na gestão dos dados dos usuários [estamos torcemos pra dar certo].


Tudo o que você precisa saber sobre a LGPD 2020? Clique Aqui.


Até aqui blz, deu pra entender certo? Então, enquanto as empresas privadas lutam para manter a gestão dos Cookies dos usuários e os governos [sempre atrasados] se arrastam em busca de como proteger os cookies do seu povo, vem o Google e muda tudo!! kkkk… Nem cookie vai ter mais, o meio de fazer propaganda vai mudar totalmente e eles mesmos querem desenvolver um meio universal de proteção de dados e remodelar o jeito que você navega. Bom para o usuário e melhor ainda para as empresas que precisam vender. Uma nova ‘revolução’ está pra acontecer, basta saber se será discreta ou estrondosa. É… Atualizem-se amigos, a tecnologia está em um foguete supersônico focado em monetização própria e quem não estiver à bordo vai ser atropelado.

Caramba!! Foi mais longo do que imaginei, mas acho que deu pra explicar. Qualquer observação, comenta aí.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *